13 de junho de 2008







MULHER III



Plena e absoluta...
Claridades e relâmpago primoroso
Eterna paixão sonora
Virgem...
Deusa...
Luz suprema...

O amanhã te espera...
E as flores te festejam...

Talvez tu consumas todo meu universo
Com este te raio selvagem
Mas, amo-te...
E o teu amor rouba a chave
Do meu sossego

Hoje;
As minhas manhãs
São de carne e osso

As tardes
De beijos doces e oceano branco

As noites
De desejos ardentes
Frutas maduras e fogo.

Um comentário: