12 de janeiro de 2008


UM NOVO AMOR

Tudo bem
Meu coração está alhures
Na madrugada sinto teus olhos
Feito a lua a me vigiar

Só não posso te seguir
Tive loucuras
Insanidades, e até desvario
Então estou de ti partindo

Desancorando da tua aventura
Estou ancorado em outro cais
Na verdade, outra lua me ilumina
Acordando a minha madrugada

Esperarei
Amanhã acordar mais cedo
E olhar o sol que disperso
Espalhará todo seu brilho na minha janela

Não quero adormecer na dor
Quero permanecer no amor puro
Que acabou de chegar...

Nenhum comentário:

Postar um comentário