12 de março de 2015

QUARESMA - O MEU CAMINHO PARA ESTA QUARESMA - TEXTO DE AUTOR DESCONHECIDO. CONFIRA.


(CLICAR NA IMAGEM PARA ASSISTIR AO FILME)






Ou clicar no link para acessá-lo no You Tube.






O MEU CAMINHO PARA ESTA QUARESMA…


Jejuarei de julgar os outros.
Descobrirei Cristo que vive neles.

Jejuarei de palavras que ferem.
Direi frases que curam.

Jejuarei do egoísmo.
Viverei na gratuidade.

Jejuarei da inquietude.
Procurarei viver com paciência.

 Jejuarei do pessimismo.
Encher-me-ei de esperança.

Jejuarei de preocupações.
Confiarei mais em Deus.

Jejuarei das queixas.
Darei graças a Deus pela minha vida.

Jejuarei da angústia.
Rezarei com mais frequência.

Jejuarei da amargura.
Praticarei o perdão.

Jejuarei da importância que dou a mim mesmo.
Serei compassivo com os outros.

 Jejuarei da preocupação com as minhas coisas.
Comprometer-me-ei com o anúncio do Reino.

 Jejuarei do pessimismo e desalento.
Encher-me-ei do entusiasmo da fé.

Jejuarei de tudo aquilo que me separa de Jesus.
Tentarei viver mais perto DELE.


Autor: Desconhecido.






Edição do filme:
ALBERTO ARAÚJO
FOCUS PORTAL CULTURAL
E-MAIL – a.alberto.sousa@bol.com.br

 Publicado no You Tube:







QUARESMA é a denominação da temporada de quarenta dias que precedem a principal comemoração da religião cristã: a Páscoa, a ressurreição de Jesus Cristo, que é festejada no domingo e feita desde o século IV.

A expressão Quaresma é oriunda do latim, quadragesima dies (quadragésimo dia). O adjetivo referente a este período é dito quaresmal ou, mais precioso, quadragésima.

Em diversas designações cristãs, o Ciclo Pascal abrange três tempos: preparação, celebração e prolongamento. A Quaresma insere-se no período de preparação.

Os serviços religiosos desse tempo intentam a preparação da comunidade de fiéis para a celebração da festa pascal, que celebra a ressurreição e a vitória de Cristo logo após os seus sofrimentos e morte, segundo narrados nos Evangelhos.

Esta preparação é feita através de jejum, abstinência de carne, mortificações, caridade e orações.



A QUARESMA começa na Quarta-feira de Cinzas e termina no Domingo de Ramos, anterior ao Domingo de Páscoa. Durante os quarenta dias que precedem a Semana Santa e a Páscoa, os cristãos dedicam-se à reflexão, a conversão espiritual e se recolhem em oração e penitência para lembrar os 40 dias passados por Jesus no deserto e os sofrimentos que ele suportou na cruz.

Durante a Quaresma a Igreja veste seus ministros com vestimentas de cor roxa, que simboliza tristeza e dor. A quarta feira de cinzas é um dia usado para lembrar o fim da própria mortalidade. É costume serem realizadas missas onde os fiéis são marcados na testa com cinzas. Essa marca normalmente permanece na testa até o pôr do sol. Esse simbolismo faz parte da tradição demonstrada na Bíblia, onde vários personagens jogavam cinzas nas suas cabeças como prova de arrependimento.




Na Bíblia, o número quarenta é bastante reiterado, para representar períodos de 40 dias ou quarenta anos, que antecedem ou marcaram fatos importantes: 40 dias de dilúvio, quarenta dias de Moisés no Monte Sinai, 40 dias de Jesus no deserto antes de começar o seu ministério, 40 anos de peregrinação do povo de Israel, no deserto etc.


Cerca de duzentos anos após o nascimento de Cristo, os cristãos começaram a preparar a festa da Páscoa com três dias de oração, meditação e jejum. Por volta do ano 350 a Igreja aumentou o tempo de preparação para quarenta dias e foi assim que surgiu a Quaresma.







FONTES:



Nenhum comentário:

Postar um comentário