11 de maio de 2012

MENSAGEM ÀS MÃES






Mensagem... às mães

                                  

                               José Pais de Moura



I

É mãe, palavra pequena,
Que todos sabem de cor.
Por ser tão doce e amena,
Entre todas... A maior.

II

Amor de mãe é pureza,
Profundo, tal é o mar.
Como na terra é grandeza,
Se o filho... Souber amar!...

III

De tudo que existe de belo
Por ser tão doce tão terno,
È, sentir ‘inda no colo,
Calor de um peito materno.

IV

Existem coisas na vida,
Jamais podemos esquecer,
É, nossa mãe tão querida,
Nos, trouxe ao mundo, a sofrer!

V

Amor de mãe è riqueza,
Que um filho ganha ao nascer.
Sou rico, tenho a certeza,
Em quanto a minha, viver!

VI

Tanto amor e por dinheiro,
Foi, será tão casual.
Com afinco, verdadeiro?
Também sim! Se, maternal.

VII

O amor se mais além,
Jamais será insuspeito.
Pai é pai, mas, mãe é mãe!
“seu amor dentro do peito”

VIII



É mãe, um anjo divino,
Na hora de dar á luz.
Sofrimentos, seu destino...
Iguais à Mãe de Jesus.






Paulo Roberto Cecchetti
com José Pais de Moura
em  um evento dos
ESCRITORES AO AR LIVRO


José Pais de Moura, poeta, prosador, trovador, natural de Soure-Portugal, mora atualmente em Niterói, frequentador assíduo dos eventos 'ESCRITORES AO AR LIVRO'. Para contato com o poeta escreva para o e-mail: jpaismoura@hotmail.com  



Nenhum comentário:

Postar um comentário